sorry, i'm allergic to bullshit
sorry, i'm allergic to bullshit
i love bad bitches , thats my fuckin' problem
cristiano ronaldo icons

futibasicons:

@ozilsto ou de like

imageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimage

(via cristiano-ronaldo-superhero)

44 notas
Mulheres como eu são difíceis de lidar. Mulher que é mulher, que sabe o que quer e não tem medo de ir atrás. Mulher que não combina com preto e branco, arroz com feijão, tradição ou classe em exagero. Mulher que aceita ser julgada pela sociedade sem perder noites de sono. Mulher que não esperar o rapaz chamar pra dançar. Mulher que realmente gosta da vida e quer aproveitar cada momento como se fosse o último. Mulher que fala alto, ri escandalosamente e solta alguns palavrões. Mulher que é mulher com M de malandra. M de macho, eu até diria. Mulheres como eu afastam as amigas por medo “de sair com essa louca”, assustam os homens pela atitude “tão século 22”, se auto assustam por se aceitarem e se assumirem assim como são. Mulheres como eu sofrem. Sofrem por ser o que são e com o perdão da palavra, foda-se o que vão pensar. Mas aqui vai uma confissão: É a dor mais deliciosa que alguém pode sentir: ser que é apenas por se amar. Simples assim. Laiza Brunett (via vodkaandtequila-please)

(via kissesforenemies)

293 notas